Camapuã: motos se chocam e deixa três jovens feridos no aeroporto

Estado de saúde de jovens já é considerado estável; diz site.

Por Fernando Brito 20/07/2020 - 16:06 hs

De acordo com o site Hora News MS, O estado de saúde da jovem R.R.S.P, 25 anos, dos jovens:  L. C. D. P, 19 anos e T. R. F. A, 30 anos, é considerado estável segundo a Santa Casa de Campo Grande no final da manha desta segunda-feira (20).

Os três pacientes foram vitimas de um grave acidente entre duas motocicletas ocorrido na tarde de ontem domingo (19) no aeroporto municipal de Camapuã.

A imagem pode conter: motocicleta e atividades ao ar livre

A assessoria da Santa Casa respondeu ao site Hora News MS sobre a gravidade dos ferimentos que cada paciente sofreu na colisão. Segundo o maior hospital de MS a paciente R.R.S.P, 25 anos, teve lesão com colar cervical e prancha rígida. Relata trauma moto x moto. A paciente se encontra na área verde do pronto-socorro em atendimento de urgência e emergência. Segue consciente, orientada e estável no momento. A mesma realizou exames laboratoriais e exames de imagem e em seguida foi avaliada e liberada pela especialidade da neurocirurgia. Avaliada pela especialidade da ortopedia, aguarda resultado dos exames para definir conduta se será cirúrgica ou não.

Já o segundo paciente identificado como L. C. D. P, 19 anos, encaminhado via vaga zero, chegou ao hospital com prancha rígida e colar cervical, vítima de trauma moto x moto. Paciente se encontra na área verde do pronto-socorro internado para a ortopedia. O mesmo segue consciente, orientado e estável no momento. Realizou exames laboratoriais e exames de imagem. Aguarda procedimento cirúrgico pela ortopedia.

O terceiro paciente T. R. F. A, 30 anos, deu entrada na Santa Casa com prancha rígida e colar cervical, vítima de trauma moto x moto com TCE leve (Traumatismo Craniano Leve), escoriações e trauma em ombro e membro inferior direito. O paciente se encontra na área verde do pronto-socorro consciente, orientado e estável no momento. Realizou exames laboratoriais e exames de imagem. O homem aguarda avaliação das demais especialidades para definir conduta. Foi avaliado e liberado pela equipe da neurocirurgia.

Um vídeo publicado na internet, mostra como ficaram as motos após a colisão.