Dois servidores da Câmara de Vereadores de Aquidauana são presos suspeitos de desvio de R$ 2 milhões

A polícia ainda cumpre mandados em endereços ligados ao servidores

Por Fernando Brito 27/07/2020 - 11:25 hs

 de Aquidauana a 135 quilômetros de Campo Grande prendeu na manhã desta sexta-feira (27) dois  da Câmara Municipal suspeitos de desviarem recursos. Eles teriam desviado cerca de R$ 2 milhões em três anos.

A polícia cumpriu os mandados na manhã desta sexta (27) e os nomes dos  não foram divulgados. Somente no primeiro semestre deste ano, a dupla teria desviado cerca de R$ 500 mil. Entre os anos de 2017 e 2020, estima-se que o valor desviado chegue a R$ 2 milhões.

Os desvios são correspondentes aos descontos de valores de impostos de renda da folha de pagamento de  e membros do poder legislativo municipal, como pela prática de falsificação de documento público. Três delegados e 12 investigadores cumprem, ainda, mandados de busca e apreensão em endereços ligados aos dois  da Câmara Municipal de Aquidauana, que exercem função de contador e de controlador do órgão.

Midiamax