Fumando ‘baseado’ atrás da viatura da PM, homem faz vídeo, posta nas redes e é preso em MS

Fez piada nas redes sociais, foi identificado e preso

Por Fernando Brito 19/11/2020 - 15:36 hs

Fumando ‘baseado’ atrás da viatura da PM, homem faz vídeo, posta nas redes e é preso em MS
Homem postou vídeo e postou nas redes sociais. Imagem: Divulgação PMMS

Um homem de 22 anos foi preso nesta quarta-feira (18) após divulgar um vídeo nas redes sociais em que aparece fumando maconha atrás de uma viatura da . O vídeo tomou repercussão rapidamente e chegou ao conhecimento da polícia, que conseguiu identificar o homem. O caso aconteceu na cidade de Três Lagoas, a 338 quilômetros de Campo Grande.

De acordo com as informações da PM, no vídeo de oito segundos o homem diz: “Em Três Lagoas nois tá assim óh fumando um baseado, óh. Óh a […] da polícia aqui, nossa amiga… ÔÔÔÔ segundo DP tamo junto (sic)”. Em pouco tempo o vídeo se propagou e chegou ao conhecimento da , que começou uma análise da publicação.

Fumando 'baseado' atrás da viatura da PM, homem faz vídeo, posta nas redes e é preso em MS

Em poucas horas, a equipe conseguiu chegar até a identificação do homem que aparece no vídeo. Por volta das 15 horas desta quarta, a PM viu o suspeito circulando com o veículo GM Celta de cor preta pela Avenida Rafael de Haro e realizou a abordagem. O homem ainda estava com as mesmas roupas que aparece no vídeo.

Ainda, conforme as informações dos militares, no veículo estavam duas crianças sem nenhum equipamento de segurança, sendo uma delas de três anos no banco da frente e um bebê de 10 meses sentado no assoalho. As crianças foram entregues à avó paterna.

O acusado confessou ter feito uso de maconha enquanto dirigia e produzia o vídeo. Em busca no veículo, outro cigarro de maconha foi encontrado e apreendido. Diante da situação, foram elaborados os procedimentos de trânsito e o acusado foi apresentado na delegacia de polícia. Ele responderá pela apologia ao crime, conduzir veículo sob influência de substância psicoativa que determine dependência e portar drogas.

Midiamax