Vereadora solicita inclusão de trabalhadores do comércio local como prioridade na vacinação contra a Covid-19

A indicação foi encaminhada ao prefeito municipal e ao secretário municipal de Saúde

Por Fernando Brito 22/06/2021 - 16:09 hs

A vereadora Profª Inês Londero (PSD) apresentou na última sessão (21) a indicação e ofício ao prefeito Anízio Andrade (DEM) e ao secretário municipal de Saúde, a Inclusão dos trabalhadores e das trabalhadoras do comércio na lista de prioridades do Plano Nacional de Vacinação contra a Covid-19.

O pedido foi feito em nome da Câmara Municipal, com a assinatura de todos os vereadores e de propositura da vereador Profª Inês Londero.


Segue a íntegra do ofício:

"Senhor Prefeito,


No uso de minhas atribuições, venho respeitosamente a presença de Vossa Excelência, externar minha preocupação acerca da situação em que nosso país se encontra diante do enfrentamento da pandemia instalada com o surgimento e expansão do Covid-19. Acabamos de ultrapassar a lamentável marca de 500 mil óbitos no Brasil em razão da pandemia e nosso município atualmente encontra-se com 35 pessoas testadas positivo e isoladas e 10 óbitos, portanto, não há dúvidas de que os efeitos do coronavírus são fatais para a população, sendo que, a vacina é a única forma cientificamente comprovada de imunização ao vírus, e por isso, sua aplicação é necessária e emergencial.


Neste sentido, destaco que desde o início da pandemia do novo coronavírus, várias categorias profissionais foram apresentadas como sendo essenciais. Dentre todas estas categorias, uma delas ganha destaque pela representação e necessidade social: os profissionais do comércio. Estamos falando de profissionais que atuam em um serviço essencial a população e que trabalham diretamente com o atendimento ao público todos os dias, são trabalhadores de supermercados, do setor de construção civil, funcionários de postos de combustíveis, entre tantas áreas, que durante todo período de lockdown trabalharam. Por isso, esta importante atividade se mantém ativa desde o início da pandemia e em funcionamento, prestando o serviço com a máxima eficiência.


Assim, considerando o cenário atual, os trabalhadores do comércio no geral têm passado por momentos de forte apreensão ao prestar o serviço de atendimento à toda a população, e portanto, receosos pela preservação de sua saúde e de seus entes familiares. Outro fator importante, é que nem sempre as medidas de segurança são suficientes, ainda mais com um grande número de infectados circulando nas ruas e estabelecimentos comerciais, a vulnerabilidade se faz ainda mais cruel.


Desta forma, solicito a possibilidade de imediata inclusão nos grupos prioritários da ordem de vacinação dos trabalhadores do comércio na lista de prioridades da Vacinação contra a Covid-19. A inclusão se faz extremamente necessária em razão de que se trata de um grupo de trabalhadores que está diretamente envolvido com a pandemia, seja porque está exposto diretamente ao contato com o público, seja porque depende economicamente deste contato, e, portanto, em situações de imensa vulnerabilidade.


Com isso, diante da situação em que estes profissionais se encontram durante todo o período de pandemia, priorizar este grupo na ordem de vacinação é mostrar respeito às atividades desenvolvidas e a vida humana.


Sendo assim, na certeza de ter a presente solicitação atendida por Vossa Excelência, coloco-me ao seu inteiro dispor e aproveito a oportunidade para renovar meu protesto de estima e distinta consideração.


Respeitosamente,


Profª. Inês Londero
Vereadora - PSD