Seja bem vindo
Paraíso das Águas,18/08/2022

    • A +
    • A -
    Publicidade

    Cochilo ao volante seria a causa da morte de motorista na BR 060 em Paraíso das Águas

    Homem de 41 anos morreu após carro capotar no KM 106 da rodovia BR 060 em Paraíso das Águas

    Foto: BNC Notícias
    Cochilo ao volante seria a causa da morte de motorista na BR 060 em Paraíso das Águas


    Juliano de Paula Abreu, 41 anos, natural de Goiânia (GO) perdeu a vida em um gravíssimo acidente na rodovia BR 060, na altura do KM 106, por volta das 14h30, desta quinta-feira (04/08), entre Paraíso das Águas e Camapuã.

    A reportagem do BNC Notícia esteve no local onde ocorreu o acidente. Juliano perdeu o controle do veículo Fiat Fiorino Furgão, de cor branca, com placas de Inhuma (GO), vindo a capotar várias vezes, parando às margens da rodovia.

    Possivelmente, Juliano não estava utilizando o cinto de segurança no momento do acidente, sendo o seu corpo arremessado para fora do veículo, ficando ao solo, à cerca de 20 metros do local onde o veículo parou parcialmente com as rodas para cima. A placa que indicava o km da rodovia foi arrancada pelo veículo, a cerca de 100 metros de onde o veículo ficou.

    Acredita-se que o motorista tenha cochilado ao volante e perdendo o controle do veículo. Conforme notas fiscais encontradas no interior do veículo pela Polícia Militar, Juliano tomou partida de Ponta Porã (MS), sentido à cidade de Inhumas (GO). O veículo estava carregado com enxovais, certamente utilizado para revendas.

    Equipe do PAM (Pronto Atendimento Médico) com uma UTI Móvel esteve no local, mas quando chegou, já encontrou Juliano sem vida.

    Uma equipe do SAMU de Camapuã também se deslocou para o local. A PRF (Polícia Rodoviária Federal) de São Gabriel do Oeste (MS), Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Cientifica de Costa Rica e a Funerária São Judas Tadeu, também estiveram atendendo a ocorrência.

    O corpo de Juliano foi removido no início da noite e encaminhado para o IML (Instituto Médico Legal) de Costa Rica (MS), distante 120 km, onde será submetido à exame necroscópico. Conforme informações apuradas pelo BNC, Juliano era casado e tinha uma filha.

    A PMA (Polícia Militar Ambiental) de Costa Rica passava pelo local assim que o acidente ocorreu, permaneceu até a chegada da guarnição da PM de Paraíso das Águas.

    Assista aqui na TV BNC Notícia a reportagem completa. Clique aqui!







    COMENTÁRIOS

    Buscar

    Alterar Local

    Anuncie Aqui

    Escolha abaixo onde deseja anunciar.

    Efetue o Login