PM resgata mulher que vivia em cárcere privado, sob ameaça e violência doméstica em fazenda de Paraíso das Águas

Casal vivia em uma fazenda na divisa entre os municípios de Paraíso das Águas e Água Clara

Por Fernando Brito 09/02/2020 - 19:09 hs

PM resgata mulher que vivia em cárcere privado, sob ameaça e violência doméstica em fazenda de Paraíso das Águas
Mulher era ameaçada e agredida pelo marido em fazenda.

PARAÍSO DAS ÁGUAS - A Polícia Militar de Paraíso das Águas recebeu neste domingo(9), uma denúncia de que uma mulher estava sendo mantida em cárcere privado, ameaças e violência doméstica constante.

A mulher de 47 anos, convivia com seu esposo de 51 anos em uma fazenfa, a 60 km de Paraíso das Águas, na divisa com o município de Água Clara(MS).

A PM após receber a denúncia, se deslocou até o local, onde constatou a mulher com vários hematomas no corpo, que afirmou a agressão sofrida pelo marido.

Na residência do casal foi encontrado um revólver calibre 38, municiado, que de acordo com o próprio suspeito, é de sua propriedade, de suposta herança de seu pai.

Antes de ser preso, o suspeito teria quebrado um aparelho de celular e som e ainda ameaçado a vítima. "SE CHAMAR A POLÍCIA TE MATO OU FAÇO SOFRER AOS POUCOS", ameaçou.

A vítima e autor foram submetidos à exame de corpo de delito. A vítima apresentou uma alteração na cervical, no exame de Raio-X, o que pode indicar seqüelas das agressões.

Ela será transferida para a Fundação Hospital de Costa Rica (MS), distante 120 km. A família dela, que reside em Camapuã(MS), foi comunicada.

O suspeito também confessou o crime contra sua convivente. Ele foi preso em flagrante, conduzido à Delegacia de Polícia Civil de Paraíso das Águas.