Paraíso das Águas: Pescador mata jacaré, diz que ia comer, mas é preso e multado em R$ 5 mil

Pedaço de pele de jacaré foi encontrado pela PMA escondido na vegetação

Por Fernando Brito 05/07/2020 - 10:33 hs

    • Um pescador amador foi preso neste sábado (4) no município de Paraíso das Águas, a 282km da Capital, após confessar ter caçado jacaré para consumo. Policiais Militares Ambientais de Costa Rica, ao fiscalizarem ranchos às margens do Rio Sucuriú, encontraram um pesqueiro com vestígios de abate de animais.
      1. Ao conversarem com o funcionário que estava no local, de 47 anos, ele assumiu a responsabilidade pelo crime e afirmou que “era um animal pequeno e havia consumido toda a carne”. Entretanto, a equipe considera que parte do animal foi levada, uma vez que na embarcação ancorada no rio e sobre a pia da cozinha havia grande quantidade de sangue.
        • Pescador mata jacaré, diz que ia comer, mas é preso e multado em R$ 5 mil
          Couro e ossos do jacaré foram apreendidos e caseiro encaminhado à delegacia. Foto: Divulgação PMA
      2. Ao realizarem vistorias ao redor do rancho, foi encontrado um pedaço de pele de jacaré escondido na vegetação. Foram apreendidos um barco, um motor de popa, couro e ossos do jacaré e 11 anzóis de galho, considerados proibidos para pesca.
      3. O homem foi preso em flagrante, encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Paraíso das Aguas e multado em R$ 5 mil. A pena pode chegar a um ano de detenção.
      4. Midiamax