Parabéns, Chapadão do Sul pelos seus 32 anos de emancipação

Hoje, dia 23 de outubro de 2019 é comemorado o 32º aniversário de Chapadão do SUl

Por Fernando Brito 23/10/2019 - 08:51 hs
Foto: Divulgação
Parabéns, Chapadão do Sul pelos seus 32 anos de emancipação
Vista aérea de uma das principais avenidas da cidade.

CHAPADÃO DO SUL - Hoje, dia 23 de outubro de 2019, nossa cidade vizinha, Chapadão do Sul está comemorando seu 32º aniversário de emancipação político-administrativa. São 32 anos orgulhando nossa região e o Estado de Mato Grosso do Sul, com sua pujança e grandeza.

Chapadão do Sul é um município brasileiro do estado de Mato Grosso do Sul, Região Centro-Oeste do país. A agricultura foi a primeira atividade econômica, e presentemente o município tem aproximadamente 23 mil habitantes.

O município está situado no sul da região Centro-Oeste do Brasil, no Norte de Mato Grosso do Sul (Microrregião de Cassilândia). Localizado a uma latitude 18º47'39" sul e a uma longitude 52º37'22" oeste. Distâncias:
330 km da capital estadual (Campo Grande)
804 km da capital federal (Brasília).


Como destaque, na entrada da cidade, há uma grande escultura de um tatu, símbolo dos desbravadores que aqui chegaram há muitos anos e sem preguiça, transformaram a região, que antes nada produzia, em um polo de tecnologia agrícola mundial.

Em 1969, quando chegaram à região os primeiros habitantes vindos do Rio Grande do Sul, percebeu-se que nesses campos planos de terras vermelhas poder-se-ia implantar agricultura mecanizada, o que acabou acontecendo nos anos seguintes. Tornou-se povoado em meados de 1973, recebendo o nome Chapadão dos Gaúchos. Em 1977 passa a fazer parte do atual estado de Mato Grosso do Sul.
Foi emancipado em 23 de outubro de 1987, passando a se chamar Chapadão do Sul.

Chapadão do Sul, com 20 mil habitantes e 1 relacionamento direto, é um Centro de Zona B. Nível formado por cidades de menor porte e com atuação restrita à sua área imediata; exercem funções de gestão elementares. Chapadão do Sul fica entre Costa Rica, Cassilandia.
Agropecuária

Graças ao cultivo inicialmente do arroz, da soja e do milho, surgiu Chapadão do Sul.

Chapadão do Sul também conta com um rebanho de 250 mil cabeças de bovinos, em que predomina o gado Nelore, fornecedor de matrizes também para o cruzamento industrial, praticado nas fazendas de atividade mista de agricultura e pecuária.[carece de fontes]
Hoje, consolidado o projeto de agricultura altamente tecnificada, produz o município outros produtos como soja, algodão, girassol, nabo forrageiro, mamona, milho, sorgo, milheto e cana-de-açúcar. São 140 mil hectares de lavouras mecanizáveis.[carece de fontes]
7º produtor de banana;
9º produtor de café;
2º produtor de feijão;
Maior produtor de girassol;
2º produtor de milho;
2º produtor de sorgo;
5º produtor de soja;
5º produtor de ovos de galinha.
Resíduos da limpeza de cereais, como a soja, o milho, grãos de produtos menos nobres como o milheto e o caroço do algodão favorecem o confinamento em larga escala na região.

Despontaram raças bovinas como o gado Blonde D’Aquitaine, o Angus, o Simental, o Brangus e o Brasford. Informações Gerais


A cidade dispõe de toda infraestrutura moderna, como escolas públicas, escolas particulares e faculdade de excelente qualidade, cinco instituições bancárias, hospital municipal, empresas para assistência do setor agronômico, rádios, jornais, provedores de internet, empresas multinacionais ligadas ao campo, comércio amplo e diversificado e prestadores de serviços nas mais diversas áreas.